capacap8

Capítulo 8 – Juntando os Pedaços

A manhã nasceu inocente, como sempre faz, alheia aos problemas do mundo. Esse nascimento significava um novo momento para o príncipe e para a bruxa. Eles se olharam ainda deitados juntos e ficaram assim por alguns minutos, até que Emir se levantou para suas preces matinais. Eilena se sentia feliz ao ouvir as preces melodiosas…

capacap7

Capítulo 7 – Um pouco da verdade

Cara, sua doida! Onde passou o domingo? Te liguei um monte! Ah, estava cansada do plantão de sábado. E vai trabalhar hoje? Nem se eu quisesse, conseguiria. Que aconteceu? Estou achando sua voz muito ruim. Você pode vir aqui em casa, Ângela? Claro, estou indo. Era segunda-feira e ela não se lembrava de ter comido…

2015_03_25_23-49-46

Capítulo 6 – Efeitos Colaterais

O resto do domingo, ela ficou deitada na cama sem quase se mexer. Não conseguiu levantar para tomar banho ou comer. Ligou a televisão para ver séries policiais de episódios iguais. Episódio que sempre acabam bem, onde sempre prendem o bandido. SEMPRE PRENDEM O BANDIDO. E quando finalmente dormiu, ela não sonhou.

capacap5

Capítulo 5 – Perdendo a Razão

Trigger Warning – Aviso de Gatilho O capítulo contém cenas de pânico, crises de ansiedade e violência.   A bruxa sabia que tudo poderia desandar nessa missão. Perto dos portões da cidade, ela e o príncipe estavam bem, sem perder nem um pouco do controle. No entanto, ela ainda não sabia o que a proximidade…

capacap4

Capítulo 4 – A Cidade das Musas

Ainda no ônibus ela sabia que algo estava faltando, que tinha esquecido o que fazia questão de não se lembrar. A janela era uma tela, onde passava o maior filme que se podia assistir, a vida. As pessoas andavam de um lado para o outro, todos ocupados e preocupados. A autora dificilmente não via beleza,…

capacap3

Capítulo 3 – Torre da Sabedoria

O caminho até o ponto marcado no mapa levou um dia e meio e ao chegar o clima do deserto os tinha deixado exaustos. Porém a adrenalina fez com que parte do cansaço se fosse ao olharem a torre gigantesca no meio do deserto. Nem a bruxa conseguia entender como algo tão alto poderia estar…

capacap2

Capítulo 2 – Saindo das sombras

Estava quase na hora de sair. Cada minuto a mais que o relógio marcava o coração da autora batia mais rápido: Será que vou conseguir ir? Enquanto se questionava na capacidade de cumprir seus compromissos ela notou um leve tremor na mão. Pegou uma caixinha rosa na bolsa. Na caixinha haviam 8 repartições, 7 com…

capacap1

Capítulo 1 – Onde notamos que é tudo um sonho

A bruxa caminhava sobre a areia farta e clara do deserto. O vento batia em sua túnica verde e seus pés descalços como uma tempestade, mas não a tocavam. Nada podia tocá-la. Apenas um excelente observador notaria a fina camada de nada que envolvia o corpo da bruxa e a separava do resto do mundo….

WP_20151113_001

A lista

  Era uma tarde monótona no cerrado quando olhei para o sótão do meu pai, resolvi pegar uma escada e ver o que tinha lá. Com 14 anos eu peguei uma revista do Batman pela primeira vez na mão. Talvez não fosse a primeira vez que tinha uma na mão, afinal, elas viviam espalhadas por…

Troféu HQMix

Pouco mais de 3 anos de trabalho e dedicação. Páginas criadas do espaço escuro que habita a minha cabeça e do Denis. Momentos de dificuldade e prazer ao produzir essa HQ. Terminamos uma jornada quando a última página foi ao ar, uma etapa da nossa vida estava ali, exposta em imagem. Aquela história tinha chegado…